quarta-feira, 24 de março de 2010

Não dá mais!

Às vezes eu acho que você me procura;
Às vezes eu acho que você me evita, mas mesmo assim quer me ver;
Você tem um motivo aceitável pra me evitar, mas eu tenho dez pra te desejar sempre mais uma vez;
Eu já não tenho mais coerência. Nem no que escrevo, nem no que falo, muito menos no que vivo;
Eu penso em tentar, mas de que forma?
Eu já não sei se você está livre, eu já nem sei se estou livre.
Eu queria muito tanta coisa, mas você está em primeiro lugar!
Você tentou e conseguiu, eu sei que tentou...
se não, porque aqueles olhos aflitos?
porque aquela fala corrida e devoradora?
porque aquele sorriso pedindo pra ficar mais um segundo?
pra que aquelas mãos em meu ombro?
porque de tantos sinais?
... imagino que sempre consiga deixar qualquer uma assim.
Mas nós já estamos emperrados, e eu já penso em forçar. Se quebrar, precisava trocar mesmo!

...só que assim, não dá mais!

12 comentários:

Pérola disse...

Ñ tenha medo,apenas confie em vc e vai dar tudo certo ok.
Cade o meu comentário daqui?
Eu comentei amiga só q eu acho q o google anda dando algumas rasteiras na gente rs.
Amiga, se eu te pedir para visitar um blog tu visita?
É um blog de uma poetiza fantástica,tenho certeza q apesar de ser jovenzinha vai gostar.
m beijo minha linda.
http://fatimaguerra-melliss.blogspot.com/

Mali Melo disse...

"Eu queria muito tanta coisa, mas você está em primeiro lugar!" achei muito fofa essa frase. :D
adorei o texto :} bjs

Erica Ferro disse...

É, realmente, tem uma relação as tuas vivências com as minhas.
É o velho "chove não molha".

Sorte nisso!

Marina disse...

Tem horas que não dá mais. A gente só tem que saber identificar essa hora.

Lindo texto, Juliana.
Adorei também do seu "quem sou eu".

SAL disse...

Meu Deuuuuuuuuus!!! q lindo!!!

olha, eu tenho um problema de não saber interpretar silencios, e nem aceito muito bem essa falta de coerencia que briga entre atitude e palavras! e vc sintetizou tuuuudo que um dia eu quis dizer e nunca tinha conseguido!! juro!!!

perfeito o texto! OS TEXTOS NÉ?! dei lendo uma olhada nos outros e adorei tbm!! parabensssss viu?! vc tem o dom!! :)

bjooo

sarah disse...

Você pode estar perdida em meio a acasos, mas nunca deixe de escrever muito menos de tentar.

não conheço seus sentimentos, mas tenho tentado guardar pra mim eles.
porque não tenta?

beijs!

Marta disse...

A melhor maneira é realmente falar, escrever sobre os sentimentos....
Conheço muito bem essa sensação de que temos que fazer alguma coisa para que aconteça.
Ás vezes, acontece; outras, perdemos...
Mas a vida é isso...
Obrigada pela visita; volta, ok???
Beijos e abraços
Marta

Michele disse...

Às vezes é melhor partir pro "vai ou racha" mesmo do que permanecer na eterna dúvida do que pode(ria) ser. Prefiro deixar bem claro o que sinto e acabo cobrando essa transparência com o quais convivo também! Não suporto lidar com incertezas!

Um beijo, flor!

José disse...

Olá Juliana,
vim agradecer a tua visita em meu blog, eu também não englobo todos no mesmo rolo, mas a maioria é como eu digo, pelo menos estes que eu conhece.
Parabéns pelo post, e blog,e apesar de ainda muito jovem escreves bem e com coerência,

um beijinho,
josé

Stella disse...

O problema dos sinais, é que nem sempre a gente sabe como interpretar, né? Daí enlouquecemos mesmo... rs

Beijos!

O Garoto do Blog. disse...

Obrigado por visitar o meu cantinho moça
passa lá sempre que quiser ou puder ta seras sempre bem vinda...
Estarei sempre contigo tambem ta..

Beijin.

P.S. Sinceramente: O Garoto do Blog.

If I Remember you

will you Remember me?

Páginas da minha vida disse...

Ai, os sinais...
o problema, é que quando estamos apaixonados,nunca os enxergamos, né?
aí ficamos nessa, de interpretar, como achamos.
já me dei tanto mal por causa disso :/ não gosto nem de lembrar!

bjs