terça-feira, 5 de abril de 2011

Era só isso, era isso e só.

Eu já havia me acomodado, me acostumado digamos.
A viver assim, nesse não e talvez, mas nunca um sim.
Nada de concreto, eu não podia esperar nada.
E mesmo que desse errado, era o que eu queria.
E não há nada mais digno do que ter o que se quer.
Se eu te via, era só isso, era isso e só.
Eu já não sabia se eu tinha algo a perder, dizem que você só perde o que tem.
Eu que não te tinha, de repente, perdi a vontade.
Se acomodar é perder! Realmente, pode até ser.
Não que pra perder você precise necessariamente se acomodar.

7 comentários:

Larissa disse...

Quando não temos, queremos. E quando temos, queremos que esteja bem longe. E quando está longe, queremos de volta, só porque perdemos. É mais fácil dar valor ao que não temos. Porque? Ainda tô tentando descobrir.

Monique Premazzi disse...

Eu sempre me pergunta o porque sentimos tanta necessidade de ter o que não temos. Acho que só pelo fato de não ter já desperta a nossa curiosidade. Perder não é legal.

Adorei aqui *-*
Beijinhos :*

Bill Falcão disse...

Estamos sempre assim, nesse mar revolto...
Bjoo!!

ticoético disse...

Desta vez vou lamber,huahsuahsua,lamber-lhe o ego.Admiro muito teu jeito leve de levar(?) os acontecimentos cotidianos,o mundo precisa de mais gente feito você,tudo isso pra dizer,simplesmente,que cativou-me,enfim,bela.

abraço!

Francilene Suri disse...

Verdade! Dá valor aquilo que não temos é tão mais fácil, involuntário eu diria ...
Ser humano é tão complexo, rs.

Perder é sempre difícil demais ...

Beijão!

Flanders disse...

Não acho que se acomodar é perder. Me desapeguei de tantas pessoas, e me acomodei a viver sem elas, e acredite que só saí ganhando em perder essas pessoas :l
:*

paaathy ;D disse...

Dizem que temos que ter cuidado com o que desejamos, porque podemos conseguir. Ainda não disseram o perigo de quando perdemos. Talvez porque não há perigo, nem mal algum, perder é o melhor que poderia nos acontecer. Se não for, vai ter que ser o melhor.