quinta-feira, 29 de julho de 2010

Sucessão de sucessos 2 (Ainda não acabou!)

03:00, ouvi batidas na porta da frente.
Quando abri, me mative surpresa, apesar de estar esperando desde cedo.
Perguntei:
- O que te traz tão tarde até aqui?
(sínico e prepotente ele respondeu)
- De tão tarde que é, chega a ser cedo.
Bati a porta em sua cara, mesmo contra todas as vontades do meu corpo.
me sentei no sofá, liguei a TV, levei uma colherada de brigadeiro mole de uma festa de aniversário fracassada até a minha boca.
Permaneci assim por exatas 2h20min.
....
Desliguei a TV, abri a porta e lá estava você, cantarolando nossa música, bem baixinho.
Que motivo o manteria alí? Sentado no chão, com os olhos arregalados.
Eu pedi que entrasse, e fiz valer a pena cada segundo daquelas horas,
seja lá qual fosse a razão de ainda estar alí.
Mas não pude resistir, eu estava curiosada.
-Porque não chegou a tempo pro meu aniversário?
-Eu estava sonhando, e como estava com você, demorei pra diferenciar sonho de realidade.
Foi quando você me beliscou, e não doeu. Acordei!
Eu estou aqui mesmo, ou ainda é um sonho?
-rsrs
-Belisque-me!
-rsrs, (belisquei-o.

13 comentários:

Bia Pessoa disse...

De onde sai estas idéias?

Muito bacana o seu texto!!

Bjus

Bia

Isadora disse...

Juliana, uma boa desculpa danda vamos combinar. E que merecia sim uma porta aberta.
Ufa! Que bom o seu post para mim de que por aqui não estava acessíveo o seguir. Falha mas não tão grave - rs.
O blog mudou bem sim, por isso talvez não o esteja reconhecendo.
Um beijo

SAL disse...

adoreeeeeeeeeeeeeeei o texto, Sister!!! quase uma cena de sex and the city (Mr. Big, te dedico!) hehehe

ele não chegou a tempo da festa, mas foi! isso q importa!

não se atente a um fato isolado... veja o conjunto! rir dos argumentos do relogio (e das desculpas esfarrapadas que temos que fingir acreditar) é saber viver! (e isso, vc sabe!)

bjo

ErikaH Azzevedo disse...

Q lindo ...tu escreves de um jeito que nos transporta, dá vontad de viver o escrito...meio mágico isso né.

O menino sabe das coisas, da nossa alma feminina, e de como nos fazer amolecer, ficar igual ao tal brigadeirinho, molinha e docinha...hehehe

Gostei bastante da tua irreverencia e já estou a te seguir.

Um beijo para a menina

Erikah

Dani Brito disse...

Oinnn que fofinho *.* Meu, eu casaria com um cara que levasse uma portada minha, na cara, e depois de duas horas eu abrisse e ele estivesse lá com essa desculpa sensacional. Só coisa de filme mesmo. (confesso que no post anterior eu ia falar: puts será que não aconteceu algo com ele? Mas como eu me coloquei na pele da garota...) rs ! Adorei

Silvia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Silvia disse...

Depois da festa, nada melhor que o melhor da festa, e a dois! Poder fazer a pena, exclusivamente...

Adorei demais...

Aguardo a continuação.

Beijos

Ellen Damaris disse...

sim o amor é assim !
entao segue ele de coração aberto !
não faça nadas que vs não seje feliz !
beeijos

Salve Jorge disse...

Às vezes até se belisca
É difícil divisar a risca
Entre sonho e realidade
Que estabelcer uma fronteira de verdade
Seria muito cruel com a vida arisca
Afinal se você pisca
Alguém cisca
E mudam as necessidades
Os pontos da cidade
O espaço entre as metades
Mas ninguém confisca
Uma genuína reciprocidade...

Pérola disse...

Poxa,muito obrigado pela sua visita fiquei surpresa rs.
Eu também dei uma sumida,quando eu tinha as atualizações na lateral do blog ficava mais fácil de acompanhar,mudei de blog e ñ as coloquei pq o deixa muito pesado,o q acontece é q meus comentários chegam por imail por serem moderados e de lá eu respondo,só entro no meu blog para atualizar vc entendeu?
Ñ tenho por hábito trocar comentários tipo:Vc vem no meu q eu venho no seu nada disso,mas a forma q eu encontrei foi essa. Por seguir muitos blogs eu acabava por ficar o dia todo respondendo,ficava bem cansativo. Então se vc vem com frequencia no meu eu estarei no seu justamente por ser mais fácil de encontra-la sem ter q te procurar entrando no blog.
Amei a sua visita. Volte sempre ok.
Amei o seu texto,só espero q a gente ñ se precise beliscar para nos sintonizar rs.
Beijokas millllllllllllll.

Canto da Boca disse...

Parece que o amor é esse misto de sonho com realidade...

A música do Arnaldo Antunes é mesmo para reflectirmos, ora estamos grávidos de tantas idéias que nao destroem o mundo, noutras, o nosso parto leva à catástrofes...

Obrigada pela visita, menina, volte sempre, será um grande prazer te ter por lá.

Beijinhos!

;)

Srt . Vasconcelos disse...

Que lindo, esperando a continuação (se é que tenha uma).
Texto perfeito, achei uma graça, mesmo *-*

Taw disse...

ahuahauahuahau

xD

rsrs

Hum... interessante.