quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Promisse

Agora você descobriu meu plano. Eu era apenas uma pessoa opaca que precisa de coisas para se iludir. Eu já nem dormia mais, só de saber, eu já não sei, e vou correr daqui, antes que eu volte a sonhar... E essa mudança não venha me procurar.
Eu já começara a sentir o fim desse amor, eu iria morrer de novo?
Bem... Eu já começara a chorar!

10 comentários:

Everson Russo disse...

As vezes o amor nos prega essas peças,,,vai embora...beijos de bom dia.

Ellen Damaris disse...

é as vezes é assim que acontece e tudo passa ou as vezes fica pra vida toda !
beeejos

Tati disse...

Oi Juliana.

Vim agradecer a visita e conhecer o espaço.
Gostei muito daqui.

Quanto ao teu escrito, gostei muito. Está bem escrito - um ritmo agradável de leitura e bastante intenso - embora as linhas finas revelem uma sutileza no sentir desses detalhes.

"[...], eu iria morrer de novo?"

É incrível como em dados momentos da nossa história nos deparamos com esse nascer/morrer de nós mesmos e é engraçado pensar que seria o fim do amor, porque eu sinto que na verdade o fim seria do nosso estado de satisfação enquanto temos quem amamos conosco, o fim das relações, as partidas - elas nunca acabam com o amor, porque sempre fica em alguns detalhes dos nossos olhos esse gosto de estar amando - mesmo não tendo esse tal amante.

Gostei da sutileza e da simplicidade do jogo de palavras - Deixou um gosto bom nos olhos.


Um Beijo e muito prazer

Uelton Gomes disse...

O amor é assim mesmo, devemos nos recordar apenas das coisas boas que o amor nos traz.

abraços

Camila Paier disse...

Graças à Deus, chorar não é morrer. E ainda há sempre a esperança, tão pouco praticada nos dias de hoje, não? Anime-se, girl!
Um beijo

DANIZINHA disse...

oie July Anna :)

Começar a sentir o fim de um amor é triste mas,libertador qndo se admite ao invés de se mascarar.

bjos

O Garoto do Blog. disse...

Sim moça chorar as vezes é bom e as vezes ruim mais de qualquer jeito chorar é bom porque tira metade do peso de sobre nois, quando o choro sessa por uns instante é como se o mundo ficasse mais leve...e assim conseguimos mais forças para enfrentar os obstaculos seguintes...eu choro choro e choro muito, muito mesmo sabe ai respiro fundo e ergo a cabeça e digo que venha o proximo obstaculo...

Bjs moça sabe achar alguem com quem conversar e que te entenda nem sempre é facio de achar não é... mais fazer o que, mais é biblico que diz assim "MALDITO DO HOMEM QUE CONFIA EM OUTRO HOMEM "

P.S. A saudade nos castiga com uma corda de espinhos para mostrar-nos que o amor vale apena mesmo sabendo que iremos sofrer...

Sinceramente: O Garoto do Blog.

Enrique Coimbra disse...

Gente, eu acho que o amor, quando é AMOR, deveria dar vida. Quando deixa sofrimento e morte, só pode ser OUTRA coisa, não amor. Tenho umas opiniões anormais sobre amor, mas é isso: se faz chorar, não é bom.
Por isso sou uma piranha :) AHAUHAUHAUHA -n

Ellen Damaris disse...

desculpa comentar dinovo !
mas tem um selinho pra vs
beeijos

Alêê disse...

curti teu blog tou te seguindo me segue ai tbm

http://alexsandra-lele.blogspot.com/